Foto: Divulgação

Ao assumir o comando do Flamengo, Paulo Sousa contou aos dirigentes rubro-negros que desejava contar com todo o elenco e não tinha a intenção de negociar nenhum dos atletas da equipe principal. Por isso, o Mais Querido tem rejeitado as propostas recebidas por seus jogadores nesta janela de transferências.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Neste contexto, o Mais Querido não quis negociar com o Cruz Azul, do México, a transferência de um dos seus defensores. A equipe demonstrou interesse em comprar Léo Pereira para reforçar seu time principal. No entanto, o Flamengo deu suporte à escolha feita pelo novo técnico e nem sequer iniciou conversas pela negociação do zagueiro. A informação foi divulgada inicialmente pelo jornalista ‘Venê Casagrande’.

Esta é a segunda vez nesta janela que o Flamengo é aproximado por interessados no jogador. Antes de negociar a chegada de Murilo junto ao Lokomotiv, o Palmeiras iniciou conversas com o Mais Querido por Léo Pereira. Entretanto, a equipe paulista notou que seria difícil negociar o atleta e seguiu em frente.

Léo Pereira está no Flamengo desde 2020, quando foi comprado junto ao Athletico-PR após fazer uma boa temporada pelo Furacão. A transação, entre custos de operação, luvas e comissões, custou ao Mais Querido R$ 34,2 milhões.